A praça financeira luxemburguesa

Através dos serviços do nosso banco em Portugal, os clientes beneficiam de um ambiente atrativo e protegido para os investidores dos quatro cantos do mundo. A sua estabilidade política e económica, bem como o seu quadro regulamentar propiciam o desenvolvimento de soluções e serviços financeiros inovadores no centro da Europa.

A porta de entrada para o mercado europeu

No centro da Europa, o Luxemburgo goza de uma situação geográfica ideal para servir uma clientela internacional. A sua capacidade de inovação e adaptação, designadamente no domínio dos serviços financeiros, atrai inúmeras empresas que estabelecem a sua sede europeia no Grão-Ducado:

  • Condições propícias ao desenvolvimento da indústria bancária e financeira num ambiente transparente

  • Uma estabilidade política, económica, orçamental, jurídica e social que assegura uma proteção eficaz dos investidores

  • Sinergias muito sólidas entre os trabalhadores, os líderes políticos e os empresários

  • Uma forte capacidade de adaptação às evoluções jurídicas e regulamentares, europeias e internacionais

  • Um regulador que está à escuta dos profissionais

  • Um regime fiscal favorável para os trabalhadores com elevado potencial

Líder da banca privada na Europa

O Luxemburgo é o primeiro centro de banca privada da zona euro com aproximadamente 300 mil milhões de euros de ativos sob gestão*.

Os profissionais do setor adquiriram uma experiência internacional reconhecida no domínio da banca privada, a qual está patente na sua compreensão das necessidades do cliente, no seu tempo de resposta, bem como numa gestão personalizada e discreta. Signatário de várias convenções bilaterais de não dupla tributação, o Grão-Ducado atrai os bens de famílias e empresários dos quatro cantos do mundo que procuram estabilidade e segurança.

 

* Fonte CSSF/ABBL Private Banking survey 2014

Uma praça mundial para os fundos de investimento

Com mais de 3 mil milhões de euros de ativos líquidos sob gestão*, o Luxemburgo é o maior centro de domiciliação de fundos de investimento na Europa e o segundo no mundo, a seguir aos Estados Unidos.

Dotado de um regulador reativo e experiente, o Luxemburgo soube conquistar a confiança dos investidores graças a um ambiente protegido. A sua orientação internacional e multilingue, a par da estabilidade económica, política e social do país fazem dele o mais importante centro de distribuição, com fundos comercializados em mais de 70 países espalhados pelo mundo.

 

* Fonte CSSF